Cirurgia endovascular é a melhor opção para tratamento da Síndrome de Compressão da Veia Ilíaca - Dr. Keller Santos

Cirurgia endovascular é a melhor opção para tratamento da Síndrome de Compressão da Veia Ilíaca

A síndrome de compressão da veia ilíaca é uma doença incomum, ocasionada pela compressão da veia ilíaca esquerda pela artéria ilíaca direita, causando alguns sintomas, como inchaço da perna esquerda, dor, edema, úlcera, varizes e trombose venosa.

Com a chegada da cirurgia endovascular foi instituída uma nova estratégia terapêutica menos invasiva e com bons resultados: a angioplastia da veia ilíaca.

De forma simples, no procedimento é utilizado um stent auto-expansível na região da compressão. Para "acomodar" o stent na parede da veia, é insuflado um cateter balão.

O tratamento endovascular na síndrome de compressão da veia ilíaca é superior às técnicas convencionais e ao tratamento clínico. É muito menos invasivo e com poucas chances de complicação, além de possibilitar o retorno rápido dos pacientes às suas atividades habituais.

A técnica endovascular para o tratamento da síndrome de compressão da veia ilíaca é promissora e relativamente mais simples que as cirurgias convencionais, por ser mais moderna, minimamente invasiva e proporcionar menos dor ao paciente.

É importante manter sempre os exames vasculares em dia para evitar complicações de patologias venosas. Por isso, consulte sempre um cirurgião vascular de sua preferência.